Categorias
arte livro poesia

O sorriso de Ródtchenko

A exposição do trabalho de Alexandr Ródtchenko (na Pinacoteca do Estado de São Paulo até 1º de maio) é importante para lembrarmos as origens de certos códigos vastamente disseminados, como a forma do cartaz russo. Especificamente, a mostra põe em evidência uma certa formação da personagem do poeta Maiakóvski.

Dá vontade de saber mais sobre o papel que efetivamente coube a Ródtchenko em cada trabalho de colagem, de pose, de edição.

Mas uma coisa sua série de fotografias destinadas à literatura infantil deixa claro: o Smiley não é uma imposição dos imperialistas estadunidenses.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s