Categorias
arte jogo poesia

Improvável

Sei que sou um cara lúdico. Gosto de ser desafiado. Mas meu camarada Vitorino Coragem, de Portugal, fez o jogo completo.

Vitorino desafiou-me a enviar um vídeo com a leitura de um texto meu. Sempre fico espantado com a transformação do texto escrito para o papel (assim são os meus textos) em palavra sonora.

“Uma espécie de slam online”, disse. Pedia algo com câmera de celular, o que interpretei como um desafio ao improviso. Não demorei e gravei sem ensaio, sem peruca nem chapéu.

Agora seu projeto IGATO Plataforma Criativa promove a competição entre vídeos de escritores. E o julgamento não será restrito aos participantes de uma reunião, mas ficará aberto para votação por dias.

Posso imaginar os bardos meus concorrentes: melifluamente encenando suas rimas, com pompa e experiência. A aura da musa brilhando em torno, um evidente sucesso da vitalidade humana. Posso competir com minha apatia? Sem peruca nem chapéu? Convido todos os leitores: vejam de que se trata e que vença o mais astuto.

[Atalho direto para minha página no evento]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s